Monthly Archives dezembro 2010

Minha mensagem de Natal pra você

Falta apenas 1 semana para a celebração do natal e muitos que acompanham meu artigo semanal de sexta-feira provavelmente não acessarão no dia 24, então decidi antecipar e escrever uma mensagem para todos vocês.

‘’ Se eu pudesse controlar o tempo deixaria que o mês do natal fosse fixo por toda vida. Nesta época, as pessoas são mais sensíveis, confraternizam, presenteiam, esquecem um pouco as diferenças e brincam com amigos secretos. Muitos voltam à infância.
Deixam de olhar que o mundo não é só de negócios, riquezas e bens materiais, mas sim, um mundo de seres humanos, seres especiais…
Você é um ser especial e as pessoas a sua volta também.
Por isso, não tenha vergonha de dizer Eu gosto muito de você, Obrigado por existir ou Eu te Amo.
A vida é uma viagem longa, m...

Read More

Estátuas de gente

“Fiquei procurando estátuas nas praças públicas e ruas onde o homenageado estava ali por que havia desistido de alguma coisa. Mas não encontrei nenhuma.”
Ozires Silva

Esta semana estive no VI Congresso Paulista de Jovens Empreendedores FIESP e ao escutar esta frase do Ex-Ministro e Presidente da Pele Nova Biotecnologia Ozires Silva me caiu como uma bofetada.
Na vida existem muitos momentos que conspiram para desistirmos ou abandonarmos um projeto, uma carreira, uma idéia, um romance ou talvez um sonho, mas só com perseverança e luta nos tornamos vencedores.

Os homens que vemos reproduzidos em estátuas pelas ruas e museus são lições de vida. Fizeram algo que ajudou pessoas, mudou o mundo ou por que simplesmente acreditaram nos seus sonhos...

Read More

Consumidores são pessoas

Em 2008 eu estava trabalhando em uma indústria multinacional suíça do ramo alimentício, e a empresa havia desenvolvido uma área chamada BOP (Base da Pirâmide).
Esta área tinha como missão e objetivo atender as necessidades dos consumidores da classe c, d e.
Eu trabalhava no marketing de uma linha infantil de produtos e então o BOP organizou um passeio pelas camadas de baixa renda para mostrar a realidade aos marketeiros e também despertar insights ao grupo.
Começamos andando de metrô visitando o centro de São Paulo e terminamos na Favela de Heliópolis.
O que me causou mais espanto foi a reação do grupo de marketeiros espantados em verem o cotidiano do trabalhador brasileiro e, além disso, em não conhecerem os principais pontos que compõem a cidade de São Paulo, inclusive a vi...

Read More