Somos tão Jovens

Todo mundo que me conhece sabe que eu sou fã da Legião Urbana e do Renato Russo. Ontem fui no cinema assistir “Somos tão Jovens” – Direção Antônio Carlos da Fontoura. O filme conta a vida do Renato no início até chegar na formação da Legião.
Renato dizia que a verdadeira legião “somos nós”. Eu tenho minha história com a banda como cada um dessa legião. Até meus 15 anos de idade eu era muito tímido. Quando escutei legião fui inspirado por suas ideias de Revolução e do Amor. Mais tarde virei até líder estudantil na Universidade. Aprendi a expressar os meus sentimentos sem medo e vergonha, e também a lutar pelas coisas que acredito, pensando sempre em frente. Coragem!
FODA-SE para que os outros pensem ou achem.
Uma identificação com o Renato foi que também gosto ter meus momentos sozinho. Falta de compania nunca foi impedimento para eu ir em um cinema, balada etc…Este filme assisti sozinho. Ter e saber conversar com você próprio é o melhor ambiente de amadurecimento de uma pessoa.
Ainda escutando hoje as mesmas músicas, extraio lições de vida e me inspiro sempre.
O Renato denunciou a sociedade hipócrita, vazia e teatral; Os políticos bandidos que querem apenas poder e seus interesses próprios; e pregou o AMOR como a bandeira da verdade e do sentido da vida!

Acho que de geração coca-cola dos anos 80 passamos para uma geração de frouxos. Que sociedade é essa que vivemos, de puro status e egoísmo? E o pior, passividade!
“Até bem pouco tempo atrás, Poderíamos mudar o mundo. Quem roubou nossa coragem?”

Observe o facebook, só tem família feliz e estruturada, gente inteligente, culta, grifes e modas, e de networking forte. Só perfeições. Ninguém expõe suas imperfeições, falhas e pensamentos verdadeiros que até às vezes são obscuros e críticos, tudo por conta de uma imagem que se deve mostrar aos outros, amigos e empresa.

FODA-SE o status! Seja você sempre e faça aquilo que seu coração mandar.
Isso mostra pessoas por fora lindas, de grifes e por dentro pobres, podres e vazias.

Enquanto focamos na boa imagem pessoal, os políticos nos assaltam e dominam nossas vidas, e assistimos calados às injustiças, fome, miséria acontecer, tudo bem debaixo do nosso nariz. Pra quê? O outro? Por que nós brasileiros só nos preocupamos com o nosso umbigo!
O que você quer deixar ao mundo? Uma imagem de bom moço com uma consciência covarde ou um legado de luta pela mudança positiva?
A primeira opção é mais fácil e rápida. A segunda é dolorida e cheia de inimigos.

Criaram regras imbecis que a maioria segue não por acreditar que é o certo, mas pelo medo da condenação da sociedade:
* Quem foi que disse, que o certo é se relacionar com pessoas da mesma idade? Não se pode um novo com uma mais velha e vice-versa?
* Quem foi que disse que vestibular separa os bons dos ruins e diploma universitário qualifica se uma pessoa é inteligente e capaz? Por que precisa dessa porcaria pra ser aceito no mercado de trabalho?
* Quem foi que disse que apenas o ato de casar é um ato de amor? É um contrato jurídico…O amor não precisa de testemunhas e assinaturas. O amor é vida e reciprocidade. Bem querer o outro. Compreender e apoiar. Casar é lindo, mas sem isso é vazio.
* Quem foi que disse que o homem pode fazer de tudo e a mulher não, se não os próprios homens a condenarão?
* Quem foi que disse que dinheiro significa sucesso e felicidade? São pontos de vista.

Não é uma crise de existência. Sâo muitas coisas que deixamos de viver por conta dessa sociedade, que com todos estes dogmas continua infeliz e depressiva. E assim o tempo vai passando sem voltar atrás.

“Quantas chances desperdicei, quando o que eu mais queria, era provar pra todo mundo, que eu não precisava provar a nada a ninguém…”

Sei lá, às vezes penso “Um dia pretendo, Tentar descobrir. Porque é mais forte, Quem sabe mentir. Não quero lembrar. Que eu minto também…”

Até que ponto guardar e deixar passar? Omitir e mentir não é ser forte é perder tempo de estar com o outro, a outra, ser feliz!

A música é uma oração. Essa semana mesmo, eu pensava que o que era pra sempre não acabava, e acaba sim.
“Mudaram as estações, nada mudou
Mas eu sei que alguma coisa aconteceu
Tá tudo assim tão diferente

Se lembra quando a gente chegou um dia a acreditar
Que tudo era pra sempre
Sem saber, que o pra sempre, sempre acaba…

O medo tira das pessoas momentos da vida. Pra mim o pior remórcio que tem é ficar se perguntando de como teria sido se tivesse tentado. Mas como não tentou não sabe a resposta de como poderia ter sido aquele momento.

Faz parte do jogo da vida. “Quando tudo está perdido, sempre existe um caminho. Quando tudo está perdido, sempre existe uma luz. Não me diga isso. Não me de atenção. Mas obrigado por pensar em mim”.

A vida é uma viagem mesmo que deve ser vivida na dádiva do presente. “E o teu medo de ter medo de ter medo
Não faz da minha força confusão.”

Ser jovem é questão de espírito. O mundo precisa de mais AMOR e REVOLUCIONÁRIOS. O amor tudo suporta e perdoa. O amor cuida e ajuda. O amor soma e não subtrai. O amor quebra paradigmas e medo. O amor relaxa. O amor deixa bonito(a). O amor inspira. O amor muda. A Revolução sem amor, não é revolução!

#É préciso amar como se não houvesse amanhã….

Vamos, “Sempre em frente. Não temos tempo a Perder…O que foi prometido ninguém prometeu, nem foi tempo perdido, SOMOS TÃO JOVENS.”

#FicaAdica Vá assistir o filme e se inpirar com Renato!

Compartilhe