Monthly Archives fevereiro 2014

A nova Era do Marketing de Causas

A atual propaganda da Friboi utilizando o Cantor Roberto Carlos como Garoto Propaganda, vem nos afirmar mais uma vez que as empresas grandes tradicionais não vendem seu estilo de vida, sua causa ou crença, vendem apenas imagem. “Não precisa ser, precisa parecer”.
Mas o que tem haver com o Roberto Carlos? Ele é vegetariano.

A agência de publicidade deve ter cobrado uma bolada para criar esta nova campanha.

A nova geração de consumidores, prefiro dizer pessoas pois, o conceito de consumidor é apenas consumir e mais nada, você o anula como um animal racional não está mais se guiando por imagens, mas por conceitos e histórias.

No artigo passado citei o caso da TOM SHOES onde a cada par de sapato vendido, a empresa doa um par para uma criança de uma comunidade carente...

Read More

O empreendedorismo como estado de espírito

“O empreendedorismo não consiste em criar uma empresa, mas em criar um estado de espírito”. Leonardo A. Schlesinger, CEO da Limited Brands

O conceito de ser empreendedor ainda é confundido com ser um empresário para muitos.
Existem muitos empreendedores que não são bons empresários, assim como muitos empresários que não são empreendedores.

De um modo simples podemos dizer que o empreendedor está muito mais ligado as habilidades inventivas e criativas e o empresário nas habilidades administrativas. Por isso, uma startup deve identificar no início quem é o empreendedor e o empresário.
Jorge Paulo Lehmann, Marcel Telles e Beto Sicupira são excelentes empresários na minha ótica.
Já Steve Jobs é um marco no empreendedorismo.

Uma vez separado os conceitos, como é empreender ...

Read More

Tudo o que o homem não conhece, não existe para ele

Desde Setembro de 2013 que não escrevo. Confesso que tinha perdido a inspiração.
Mas voltei e hoje é o meu primeiro post de 2014.

Esta música eu escutei e consegui entrar na balada do louco há exatamente 10 anos atrás.
Preste atenção:

“Dizem que sou louco por pensar assim
Se eu sou muito louco por eu ser feliz
Mas louco é quem me diz
E não é feliz, não é feliz

Se eles são bonitos, sou Alain Delon
Se eles são famosos, sou Napoleão
Mas louco é quem me diz
E não é feliz, não é feliz

Eu juro que é melhor
Não ser o normal
Se eu posso pensar que Deus sou eu…”
(A Balada do Louco – Mutantes)

Essa frase acima é a causa de muitas pessoas tornarem-se limitadas. São convictas de que aquilo que elas nunca ouviram falar, não existe então melhor desconsiderar.
Isso reflete n...

Read More