Líder 4.0 – Como formar equipes e encorajar pessoas

Assisti a Comédia Americana “Os Estagiários” com Owen Wilson e Vince Vaughn e achei Ducacete!! Dentro das varias situações que essa dupla passa como:

1) Tentar um emprego de estagiário no Google sem terem familiaridade nenhuma com a internet. Apenas o sonho do Google ser o futuro.
2) Eles, caras mais velhos lidando com jovens de 23 anos (y) como gestores e concorrentes
3) Perfil vendas (contato mais humano) vs Geeks (contato mais virtual)
4) LifeStyle – Comportamento informal e descolado vs Comportamento tímido dos geeks sem habilidades com pessoas
5) Como formar equipes e encorajar pessoas

Eles mostram para a geração (y) que apesar de estarem desconectados e sem mind set igual o deles, eles tinham algo que eles não tinham igual ao deles, Sonhos e Sensibilidade da vida!

Mas o quinto ítem foi o que me levou a escrever este texto.

Vejo milhares de pessoas hoje em busca de coaching e terapeutas. Virou uma febre buscar essa ajuda!
As pessoas estão perdidas, desmotivadas e se perguntando, o que estou fazendo aqui, por que não consigo?

Apesar de saberem as respostas, não mudam por falta de ATITUDE e MEDO! Não acreditam em si própria. Precisam de um terceiro para dar essa injeção de coragem.

Existem três cenários pra mim sobre por que isso acontece:

a) Cumprir o sonho dos pais – É super normal um pai frustado por não ter sido ou chegado no seu objetivo de vida ou profissional projetar nos seus filhos o seu objetivo ou sonho não alcançado. Aí vai aquele jovem virar Advogado, Médico, Diretor de Multinacional para agradar os pais sendo que ele queria vender Coco na Praia ou ser Músico. O Resultado disso ao longo da vida – Dúvidas, Infelicidade e Frustações.

b) Pressão da sociedade precoce – Com histórias de cada vez mais jovens como Mark Zuckerberg ficando bilionário antes dos 30, muitos jovens sentem-se na mesma obrigação. Querem com 23 anos já serem Diretores de Empresa e andarem de carro importado. Não admitem o tempo e tampouco a estrada da experiência.
Muitos saem arrogantes das universidades achando que sabem tudo e têem mais a ensinar do que aprender.
Se não alcançam estes objetivos se frustam…

c) Somos desencorajados todo dia – Este tópico é o principal.
O mundo corporativo é uma verdadeira guerra. Guerra pelo destaque e sobrevivência. Aqui quase ninguém pede desculpas, assume os erros ou diz você é o cara! Para muitos, passar por cima e puxar o tapete do outro são armas de sobrevivência e não disfunção de caráter.

As empresas contratam palestrantes motivacionais, é o mesmo blá blá blá de sempre, vamos trabalhar em equipe, vamos sair da zona de conforto, vamos, vamos e vamos. Mas ninguém vai, sabe por que?

Somos diariamente desencorajados!

O que mais vejo é chefe babaca que de fato é chefe (comando e controle) e não líder (encorajador de equipes) desencorajando novas ideias e comportamentos dos seus subordinados todo dia, uma por cagaço e outra pelo cara ser um dinossauro mesmo.
Dinossauro não tem haver com idade não. Tem muito mulecão jovem com cabeça de um senhor dos anos 50 no comando.

Antigamente, mas acho que ainda hoje na maioria são assim, a empresa falava pro cara – Olá, agora você tem um crachá (sobrenome), vale refeição e vale transporte. Muitos gostariam de estar no seu lugar. Dê valor nisso.
A empresa é multinacional mas uma merda! Burocrática, reativa, cheia de idiotas, sem qualidade, mas o cara tem um “Sobrenome” na praça. Prefere receber as chicotadas da cruz do calvário pelo sobrenome do que virar a mesa do jogo!

Não é só no ambiente corporativo. Dentro de casa, pais e mães em muitas vezes são desencorajadores. Uma por não conhecerem, outra por buscarem a falsa estabilidade e por último a projeção do objetivo frustado e a necessidade de mostrar pros vizinhos e membros da família o sucesso dos filhos.

Ah, amigos também! Tem muito amigo que não quer ver o cara passar ele no sucesso e põe água no chopp!
Etc, Etc…

Enfim o que fazer contra isso?
Auto-Estima é uma coisa diferente pra cada um, mas não tem fórmula, você precisa tocar o FODA-SE!
Se quer liderar e ser um encorajador de equipes primeiro precisa vencer todos estes obstáculos e ser VOCÊ.

Se tem um chefe idiota, mude de área ou empresa se precisar, mas não fique com ele se não você vai acreditar que não tem potencial.
Faça o que acredita, siga teus sonhos e intuição!
Equipe são pessoas, pessoas são humanas, têm sentimento, sentem medo e possuem dificuldades. E o principal todas precisam sonhar. Faça-as sonharem e sonhe junto com elas.

Todas as pessoas são diferentes. Extraia e potencialize o que cada pessoa tem de melhor. Ninguém é perfeito mas cada um tem um algo mais forte a contribuir. É nisso que você precisa descobrir, concentrar energia e dar asas.

No filme, um sabia apenas vender, tinha lábia! Foi nisso que ele se concentrou e depositou energia.

Esqueça títulos, organograma, hierarquia. Isso quem criou foi um covarde que precisava mostrar quem manda e um fraco que precisava de status. É melhor ser respeitado pela pessoa que é, do que pelo cargo. Se te respeitam pelo cargo, está perdido, não é líder e nem um encorajador de pessoas!

Se livre de dogmas, etiquetas, pagação! Relaxa, toma uma, faça festa, respostas e soluções vem do informal…Deixe todos a vontade!
Equipes encorajadas precisam estar a vontade!

Por último assista o filme, vai te fazer bem!

Compartilhe