Monthly Archives março 2015

A crise moral dos grupos – Resista a pertencê-los.

Há 3 anos atrás escrevi muito sobre Redes x Grupos Hierárquicos. Volto com esse assunto pelo momento atual da sociedade brasileira. A crise moral dos grupos políticos, empresariais, movimentos sociais e etc…
Resumindo a diferença do desenho gráfico comparativo de Paul Baran abaixo é:

Grafico de Paul Baran

a) Redes: Não tem líderes, é autônoma, forma clusters de aprendizagens, tem interação constante, múltiplos caminhos, maiores opções de escolhas e poder distribuído. Você se conecta a todos.

b) Grupos Hierárquicos: Tem um líder, poder descentralizado, comando e controle, um conjunto de regras, um caminho e uma cartilha a seguir. Você não se conecta a todos, apenas os que tem poderes.

O que são grupos: Partidos políticos, ong´s, sindicatos, movimentos sociais, empresariais, religião etc&#...

Read More

Precisamos de uma nova consciência, precisamos de um novo coração

Mar Vix

Quem me conhece mais de perto sabe que como todo jovem sonhador um dia eu já fui socialista, Presidente do Diretório Acadêmico da Universidade, Quase expulso dela, Baterista, Religioso, Executivo de Empresas, Premiado em concurso de poesias, sempre buscando coisas … Histórias boas e ruins.

Ao longo da vida você vai vendo e aprendendo sobre as formas de caminhar por ela e obter sucesso com prestígio, reconhecimento, status, nos bancos universitários, grupos, família e amigos. Em muitos casos, o indivíduo desenvolve o individualismo, a competição e o egoísmo para garantir que o seu caminho obtenha todo esse reconhecimento com as mulheres, liderados, família, empregados e sociedade.
O dinheiro, a fortuna é um grande instrumento para as supostas conquistas, privilégios e prestígi...

Read More

Empreendedorismo G – A Era da Generosidade

Generosidade não é uma estratégia de marketing, tampouco, filantropia ou caridade, mas trata-se de um valor, princípio, uma filosofia de vida.

“Surge uma nova safra de consumidores. São os integrantes da chamada geração G (de generosidade), detectada pela Trendwatching, empresa holandesa de pesquisa de tendência. Para eles, não bastam bons produtos nem preços atraentes. O que chama a atenção são empresas dispostas a fazer tudo por eles — e pela sociedade. “As pessoas estão descontentes com a ganância dos empresários e suas consequências para a economia”, diz o estudo” (PEGN)

Uma empresa voltada apenas para o lucro, não vai ser generosa, por que não nasceu para ser generosa, mas apenas para dar lucro aos acionistas.
Estas empresas utilizam-se do marketing comercial...

Read More

Abre a boca! Vai conversar.

No passado quando empreendi no setor de serviços de marketing não fui tão assertivo em vários aspectos do negócio. Essas deficiências poderiam ter sidos resolvidas ou esclarecidas, se tivesse uma atitude, pedir conselhos a outros empreendedores, executivos e professores. O famoso mentoring.

Hoje eu empreendendo uma startup de alimentos, tenho como esta principal lição e “valor percebido”, quão é importante você contar sua ideia e negócio para várias pessoas, pedindo críticas e conselhos. Estes conselhos, trocas de experiências e visão, são mais importantes que as teorias dos livros ou o desenho acadêmico do plano de negócio.

Ah, mas o cara vai roubar minha ideia? Talvez, mas a resposta é mais negativa.
Se você não contar a ninguém, ninguém poderá te ajudar ou financiar...

Read More