Category Gestão Empresarial

Desorganizar para reorganizar – RH, Gestão e Mkt

Há um bom tempo venho estudando o comportamento das organizações e suas relações com o futuro.
Infelizmente as universidades que são o pólo de formação de executivos não estudam o futuro mas sim o passado. É comum cases e os exemplos serem baseados em publicações e experiências do passado, mas aquilo que ainda não existe e não está comprovado eles se negam a aprofundar e imaginar.

A seguir vou listar algumas mudanças de modelos de comportamento organizacional e funções que já estão sendo vividos. Já não podemos ver como paradigmas, mas uma realidade, e ao contrário dos anos 80/90 em que as pessoas se adaptavam a empresa, hoje e amanhã as empresas que se adaptam e adaptarão as pessoas:

Recursos Humanos: [Modelo Antigo] O setor de recursos humanos escolhe e entrev...

Read More

Tornando Equipes Eficientes

Tornar uma equipe eficiente, não se começa ou não se muda por meio de processos e ferramentas gerenciais, começa-se pela mudança de comportamento e atitudes. Através do comportamento se cria uma cultura. Os resistentes a cultura abandonarão pela própria vontade ao não se adaptarem. Então, se separa os bons dos ruins.
Que tipo de comportamento deve-se ter para haver eficiência, agilidade, inovação de ruptura e aprendizagem constante?

Abaixo 7 pontos de acupuntura de comportamento organizacional para criar eficiência nas equipes:

1) EU NÃO DISCUTO PROBLEMAS, APENAS SOLUÇÕES: Quanto tempo se gasta para achar um culpado, colocar na reta do próximo ou para provar quem é que sabe mais da equipe e pode ser o Super-Man em resolver? Trazer um problema à tona sem a solução mostra o...

Read More

DesORGANIZAR para InovAR.

O capítulo 2 do livro “Tempos loucos exigem organizações malucas” de Tom Peters chamado [Além da descentralização, desorganizar para soltar a imaginação] faz uma denúncia dos entraves que impedem a empresa de viver a gestão da imaginação, conhecimento e agilidade que são:

1) Livre-se da estrutura formal
A formalidade envolve obediência, limites pelas regras, supervisão e controle pela hierarquia. Existe imaginação aberta e a confiança de errar sem punição neste tipo de ambiente?
Muitas empresas falam, mas somos descentralizados. Fulano e ciclano tem autonomia. Mentira, só funciona no papel. No dia-a-dia ela volta a formalidade pra funcionar em respeito aos supervisores e as regras.

2) Os níveis médios ou intermediários da administração destroem os valores
A verda...

Read More

Além da mudança, Abandone tudo. Viva la Revolución!

Che Guevara

Nesta semana estive reunido com um funcionário do alto escalão do Governo do Estado de São Paulo falando sobre empreendedorismo. Sem hesitar, ele testemunhou sua mudança de modelo mental e de atitude como um pecador em uma igreja protestante exemplando a igreja:
-Tenho 25 anos de funcionalismo público e sempre fui quadrado, conservador e tecnicista. Depois que li “Tempos loucos exigem organizações malucas” de Tom Peters abandonei a velha vida e hoje sou um novo homem. Por isso, hoje meu trabalho são projetos no Governo para reinventá-lo.

Animal isso!! Paradigmas e velhos hábitos foram quebrados.
Fiquei curioso e comprei o livro! De fato, cada página é um soco no baço e minha ideia é nos próximos posts compartilhar com você aqui no blog os ensinamentos de Tom Peters.

APAGUE...

Read More

De organizações EGOsistêmicas para ECOsistêmicas

Meu objetivo como empreendedor e agente futurista neste blog não é dar dicas superficiais de como empreender, tampouco discutir as “consequências” dos problemas organizacionais com a proposta de motivar profissionais com medicações de auto-ajuda ou histórias inspiradoras, mas a de identificar as “causas” dos problemas organizacionais, preparar as empresas para a transição do futuro (século XXI) e propor a reflexão propositiva e o diálogo como o meio para as soluções práticas inovadoras.

Vivemos hoje uma transição de modelo de poder e econômico motivado pelo novo Capitalismo Distribuído ou pela Terceira Revolução Industrial. A primeira e a segunda revolução foram baseadas em combustível fóssil e favoreciam estruturas centralizadas (top-down)...

Read More