Muda Mundo tagged posts

Uma emergência para o Marketing e Consumo Consciente

04_08_24_consumo_publicidade

O que era distante e as pessoas pouco se importavam, hoje já as sequelam de perto com a falta de água, luz, alimentos, a conta da corrupção dos governos transferidos aos cidadãos …
Nesta semana o Fundador da Cervejaria Itaipava Walter Faria, foi noticiado pela imprensa ao receber um “favor do governo PT” e doou 17 Milhões para a Campanha de Dilma Rousseff em 2014 ( http://epoca.globo.com/tempo/noticia/2015/01/apos-ganhar-favor-milionario-do-governo-empresario-doa-br-r-17-milhoes-para-campanha-de-dilmab.html )

Planeta se degradando, empresas comprando favores, mercados e governos. Por que estamos em estado emergencial ?

“Precisamos de uma nova consciência, precisamos de um novo coração” Dadi Janki

Não precisamos de campanhas com mulheres sensuais para vender cerveja, mas de campan...

Read More

O Posicionamento pelo propósito – New-branding

Existem diferentes visões de se posicionar um produto e uma empresa.
Se olhar o jeito mais tradicional, os marketeiros posicionam o produto com base na necessidade específica. Identifica a necessidade do mercado e entrega a ele o produto.

Por exemplo:
Produto (x). Categoria: bebês 0-2 sub-categoria: alérgicos a lactose.
Produto prático e nutritivo funcional.
Desse posicionamento se extrai estatísticas de mercado.

Dá uma olhada friamente! Esse tipo privilegia qual das partes? Sim, consumidor, está resolvendo um problema, mas a mecanicidade colabora no simples uso pela opção de não ter a lactose.

Se invertesse a visão, poderíamos dizer que o produto (x) incentiva as pessoas alérgicas ou não, a não consumirem qualquer produto que contenha a lactose pois, os efeitos contra a saúde ...

Read More

SXSW 2014 – One to One Movement com Blake Mycoskie Fundador da Tom Shoes

tom shoes

Palestra: Blake Mycoskie
Fundador da Tom Shoes

Eu já havia lido sobre a história da Tom Shoes mas escutar ela e os ideais do próprio fundador foi fantástico.
Você já ouviu falar sobre One to One Movement?

Melhor assistir ao vídeo antes.

Esse conceito é mais ou menos assim: A cada produto vendido, um produto é doado.

Em uma de suas viagens exóticas de férias Blake Mycoskie foi parar na Argentina. Lá ele descobriu que a maioria das crianças pobres nunca haviam calçado um sapato na vida.

Não só isso, mas descobriu também que, por esse fato, milhões de crianças no mundo, nas mesmas condições, apanham inúmeras doenças, como infecções, doenças de pele, chegando a amputações de membros e muitas vezes até a morte.

Blake passou por esta experiência e teve um...

Read More

A nova Era do Marketing de Causas

A atual propaganda da Friboi utilizando o Cantor Roberto Carlos como Garoto Propaganda, vem nos afirmar mais uma vez que as empresas grandes tradicionais não vendem seu estilo de vida, sua causa ou crença, vendem apenas imagem. “Não precisa ser, precisa parecer”.
Mas o que tem haver com o Roberto Carlos? Ele é vegetariano.

A agência de publicidade deve ter cobrado uma bolada para criar esta nova campanha.

A nova geração de consumidores, prefiro dizer pessoas pois, o conceito de consumidor é apenas consumir e mais nada, você o anula como um animal racional não está mais se guiando por imagens, mas por conceitos e histórias.

No artigo passado citei o caso da TOM SHOES onde a cada par de sapato vendido, a empresa doa um par para uma criança de uma comunidade carente...

Read More

O empreendedorismo como estado de espírito

“O empreendedorismo não consiste em criar uma empresa, mas em criar um estado de espírito”. Leonardo A. Schlesinger, CEO da Limited Brands

O conceito de ser empreendedor ainda é confundido com ser um empresário para muitos.
Existem muitos empreendedores que não são bons empresários, assim como muitos empresários que não são empreendedores.

De um modo simples podemos dizer que o empreendedor está muito mais ligado as habilidades inventivas e criativas e o empresário nas habilidades administrativas. Por isso, uma startup deve identificar no início quem é o empreendedor e o empresário.
Jorge Paulo Lehmann, Marcel Telles e Beto Sicupira são excelentes empresários na minha ótica.
Já Steve Jobs é um marco no empreendedorismo.

Uma vez separado os conceitos, como é empreender ...

Read More

O líder baseado em valores II – A saída é pela porta da frente.

Ao longo da vida somos contaminados com exemplos, por muitas vezes queremos “ser” ou “copiar” o gesto, atitude ou pensamentos do outro com o intuito de alcançar o mesmo resultado.
Muita gente tenta ser Roberto Justus, Jorge Paulo Lehmann, Ayrton Senna, Gandhi etc…
Essa contaminação acontece muito em palestras, novelas, igrejas, empresas, ONG´s, Governos etc…
Muitos se apropriam de uma ideia ou atitude do outro comportando-se como o próprio dono a ponto de vivenciar como seus próprios méritos. Quando não isso, fazem-se valer da outra pessoa utilizando-a como um produto, tipo aquela pessoa é famosa ou bem sucedida sendo um ponto de benefício, por isso preciso estar e agradar ele(a).
Aprender com a experiência do outro é super válido. Seguir o outro ou performar, não.
Assim são...

Read More

VIVA A SOCIEDADE ALTERNATIVA

Bruce Springsteen cantando ontem “Viva a Sociedade Alternativa” não só chacoalhou e arrepiou a platéia do Rock in Rio 2013, mas provocou em todos nós aquilo que Raul Seixas queria provocar quando compôs esta música em 1974 com Paulo Coelho, ALTERNATIVAS-MUDANÇAS.

Precisamos gostar, amar, testar e criar alternativas, mudanças, reinvenções se quisermos evoluir com a sociedade, empresas e formas de trabalho.
Uma sociedade alternativa não é um grupo de porras locas, mas de fazedores de mudanças para a diferença positiva.

Mas mudança só acontece com atitude, quem gosta de assumir riscos, arriscar, se responsabilizar.

O que é ser normal? O que a normalidade pode te beneficiar ou me cite algo de impacto feito pelos normais?

Notem no quadro abaixo...

Read More

Você faz parte da solução ou parte do problema?

Esta é uma pergunta com 3 viés para mim:

1) Você faz parte da solução ou parte do problema do MUNDO?
2) Você faz parte da solução ou parte do problema da EMPRESA?
3) Você faz parte da solução ou parte do problema da sua VIDA?

O Por quê e o Como são uma resposta e reflexão individual, mas o questionamento maior que tem que tirar o seu sono, incomodar a sua mente e até te gerar um pânico é:

“Eu estou contribuindo com uma AÇÃO PRÁTICA para melhorar este ponto que tenho contato (Mundo, Empresa e minha Vida)?”

Ao invés de perdermos tempo procurando e apontando culpados, responsabilizando o próximo, gastando tempo e energia com críticas e analisando os defeitos dos outros, por que não focamos em analisar o que está acontecendo dentro de nós?

Não tem como fugir, é uma d...

Read More